Órgãos sociais do Sporting podem demitir-se para pressionar Bruno de Carvalho

Órgãos sociais do Sporting podem demitir-se para pressionar Bruno de Carvalho

No final do jogo, os adeptos do Sporting que acompanharam a equipa à Madeira manifestaram de forma veemente o seu desagrado junto do treinador e da equipa, chegando a registar-se tentativas de agressão a jogadores no aeroporto e insultos e protestos à chegada da comitiva a Lisboa e ao Estádio José Alvalade.

Em entrevista a Sporting TV, o presidente do clube Bruno de Carvalho explicou o teor do encontro.

"Qual processo disciplinar? Eu percebo que vocês (jornalistas) têm de trabalhar, mas nós, administração e Conselho Directivo, também temos de trabalhar". O presidente se reuniu com a comissão técnica e os jogadores para uma reunião.

O Sporting esclareceu em suas redes sociais o futuro de seu atual técnico Jorge Jesus.

O técnico dos leões está impedido de orientar a sessão de trabalhos desta terça-feira, sendo que a SAD sportinguista pretende rescindir contrato por justa causa com Jesus e a sua equipa técnica.

"Em face das notícias vindas a público e à especulação que existe na comunicação social, a Sporting SAD informa que o treinador Jorge Jesus estará a orientar a equipa do Sporting CP na Final da Taça de Portugal".

O jogo pode valer o segundo troféu da época ao Sporting, que venceu a Taça da Liga na final frente ao Vitória de Setúbal, depois de eliminar nas meias-finais o FC Porto - o mesmo adversário afastado pelos leões nas meias-finais da Taça de Portugal. "Têm que esperar um bocadinho pelo Bruno, o que suspendeu o Jorge", concluiu Bruno de Carvalho, antes de abandonar o local.