Justiça pede mais negros em novela da Globo

Justiça pede mais negros em novela da Globo

Desde que foi anunciada, a Globo foi alvo de polêmica com a divulgação das chamadas de Segundo Sol, sua nova novela das nove que entra em cartaz a partir desta próxima segunda-feira (14), sucedendo o fenômeno O Outro Lado do Paraíso.

Tudo isso aconteceu justamente pelo número enxuto de negros no casting, já que o estado de Salvador é o com maior percentual de população negra no Brasil. No site da TV Globo, que apresenta os principais personagens da novela, a maioria dos atores é branca.

No documento (eis a íntegra), o MPT considerou "a gravidade do não espelhamento da sociedade nos programas televisivos".

De acordo com o Estatuto da Igualdade Racial, cabe ao Poder Público a promoção de ações que assegurem a igualdade de oportunidades no mercado de trabalho para a população negra. A Globo foi notificada pelo Ministério Público do Trabalho, nesta sexta-feira (11), por meio da Coordenadoria Nacional de Promoção de Igualdade de Oportunidade e Eliminação da Discriminação no Trabalho.

De acordo com esse parecer, a emissora não estaria representando a diversidade racial da Bahia, onde se passa o folhetim.

Por meio de nota, a Comunicação da Globo afirma que recebeu a nota do Ministério Público e que respeita a diversidade e repudia qualquer tipo de preconceito. "Apesar de ser uma obra artística e uma obra aberta, consideramos que ela tem como obrigação incluir atores negros em proporção suficiente para uma real representação da sociedade", explicou a coordenadora nacional da Coordigualdade, Valdirene Silva de Assis.

Se a empresa descumprir e não convocar mais atores negros, recusando-se a seguir as recomendações do MPT, o Ministério Público poderá até mesmo ingressar com uma ação contra a emissora.

O MPT fez 14 recomendações gerais à emissora. Quanto aos demais tópicos, a Globo terá 45 dias, para a apresentação de cronograma de trabalho. Deve informar, inclusive, as grades de horários para veiculação de campanhas institucionais pertinentes.