YouTube retalia contra teorias da conspiração

YouTube retalia contra teorias da conspiração

Dos vários tipos de conteúdos que se passeiam pelo YouTube, são famosos os vídeos dedicados a todo o tipo de teorias da conspiração, que como é óbvio, podem induzir os espetadores da plataforma em erro, muitas vezes tratando ideias perigosas.

O recurso, chamado de "information cues" (ou "sugestões de informação", em tradução livre) será exibido já nas próximas semanas em vídeo cujo tema são teorias absurdas, algo relativamente comum na plataforma. Eles serão colocados logo abaixo do vídeo, antes mesmo do espaço reservado para o título e para a descrição. A posição de destaque é justamente para chamar a atenção e alertar sobre o que está sendo assistido.

O anúncio foi feito durante entrevista de Nicholas Thompson, editor chefe da Wired, com Susan Wojcicki na South by Southwest, evento de economia criativa que acontece até 18 de março em Austin, Texas (EUA). As pessoas continuam a poder ver os vídeos, mas terão acesso a informação adicional, " disse a CEO. Dois fortes candidatos são os vídeos sobre o cantor Elvis Presley ainda estar vivo ou sobre Paul McCartney ter sido substituído por um sósia após sua morte.