Anitta é condenada a pagar quantia milionária, e pode ter bens bloqueados

Anitta é condenada a pagar quantia milionária, e pode ter bens bloqueados

Em uma das melhores fases de sua carreira, Anitta teve uma notícia pra lá de ruim.

Segundo o jornal Globo, a condenação foi atribuída pela 9ª Câmara Civil do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro que ordenou a transferência imediata da quantia, sob a pena da artista ver os seus bens arrestados.

A cantora Anitta, há algum tempo, vem se enfrentando na Justiça, com a sua ex-empresária, Kamilla Fialho. "Os advogados podem até recorrer em Brasília [no STF], mas essa decisão não suspende o que foi determinado", disse Leonardo Gomes, advogado de Fialho, ao Uol. Os R$ 3 milhões são apenas parte do valor pedido pela empresária, por conta da multa estipulada por rompimento no contrato. Na época, Anitta havia rompido o contrato com a empresária, acusando-a de ter desviado parte de sua fortuna.

A amizade das duas azedou em 2014, depois que Anitta entrou na Justiça alegando quebra de contrato e pedindo prestação de contas do equivalente a 2,5 milhões de reais. Os advogados da intérprete de Vai malandra suspeitam parcialidade da juíza responsável pelo processo.

No ano passado Anitta foi processada na esfera trabalhista por Dany Possidonio, sua ex-dançarina. Também alega que a demissão ocorreu após uma discussão com Anitta e que teve de trabalhar um mês após ser desligada para garantir seu último salário, mesmo com o clima tenso entre as duas, que não se falavam, embora tenham sido amigas nos seis anos anteriores.