Chuva de granizo em Petrolina choca moradores

Chuva de granizo em Petrolina choca moradores

Uma chuva de granizo foi registrada em Serra Talhada, no Sertão de Pernambuco, nessa terça-feira (13).

O meteorologista da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), Thiago do Vale, explicou ao NE10 Interior que o fenômeno é atípico e ocorreu por conta do calor na superfície que fez com que a umidade presente desenvolvesse muito rápido a formação de nuvens frias de desenvolvimento vertical que veio acompanhada de chuvas fortes e ventos de até 75km/h, que é considerada uma velocidade alta. (Veja as imagens acima).

Fenômeno surpreendeu os moradores da cidade. "Esta nuvem é formada e impulsionada em locais com maior altitude".

Este tipo de chuva dura menos de cinco minutos, conforme destacou a Agência. "Por isso a chuva dura tão pouco tempo", explicou a Apac.

Para o Sertão, Sertão do São Francisco e Fernando de Noronha, a previsão é de céu parcialmente nublado a nublado com chuva rápida de forma isolada, e a noite e madrugada varia de fraca a moderada.