Costa no top 10 das personalidades mais influentes na Europa

Costa no top 10 das personalidades mais influentes na Europa

António Costa é, para o jornal "Politico", uma das personalidades que estão a "moldar, agitar e fazer mexer a Europa". É assim que o Politico intitula o texto sobre o primeiro-ministro português.

A lista de 28 personalidades do site Politico foi elaborada depois de uma série de debates entre uma ampla rede do continente europeu, sugestões dos eleitos das últimas edições e dos próprios leitores.

Colocado imediatamente a seguir à jornalista e dissidente russa Galina Timchenko, diretora do jornal online "Meduza", Costa é apresentado como um duro lutador político, apesar do "pronto sorriso de campanha" e alguém que conseguiu impor-se como um "campeão da mudança", capaz de voltar a página da austeridade em Portugal.

A "habilidade política" do primeiro-ministro português é reconhecida interna e agora externamente.

Depois de ter levado o partido à vitória nas eleições autárquicas de outubro, e apesar da sua popularidade ter ficado "chamuscada" pela forma como o governo geriu os grandes incêndios florestais de junho e outubro, os apoiantes do primeiro-ministro português acreditam que recupere com a retoma da economia e chegue ao novo ano com a esperança de fazer ainda melhor.

Elogiado pela sua capacidade notável para equilibrar as exigências da esquerda para reverter a recessão, através de uma "poupança cautelosa", o Politico lembra que o primeiro-ministro terá de continuar a sua ação de equilíbrio económico no próximo ano.

A publicação escreve ainda que, em 2018, António Costa vai ter de "enfrentar um novo líder da oposição" e manter a sua "capacidade política" para gerir com equilíbrio o complicado relacionamento com os dois partidos [PCP e Bloco] que apoiam o seu governo minoritário.

O ranking é encabeçado pelo alemão Christian Lindner, líder do Partido Liberal Democrático, a que se seguem os nomes de Michael Gove, ministro do Ambiente britânico, e Muriel Pénicaud, ministra do Trabalho francesa.