Macron alerta contra 'escalada das tensões — Coreia do Norte

Macron alerta contra 'escalada das tensões — Coreia do Norte

- Os presidentes da França, Emmanuel Macron, e dos Estados Unidos, Donald Trump, conversaram neste sábado por telefone sobre a crise na Coreia do Norte.

Considerada 'responsabilidade de todos', Macron convocou a comunidade internacional a 'agir de maneira conjunta, firme e efetiva, assim como fez no Conselho de Segurança (da Organização das Nações Unidas), para trazer a Coreia do Norte de volta ao caminho do diálogo'.

O presidente francês manifestou ainda sua preocupação perante o agravamento da ameaça balística e nuclear procedente da Coreia do Norte, que, em seu julgamento, prejudica "a preservação da paz e da segurança internacional".

O presidente francês também lembrou "os aliados e sócios da França" na região próxima à península coreana "de sua solidariedade no momento atual". A França é um membro permanente do Conselho de Segurança da ONU, que recentemente aprovou sanções à Coreia do Norte por causa dos testes com mísseis balísticos.

O ministro britânico das Relações Exteriores, Boris Johnson, responsabilizou o regime de Kim Jong-un pela "crise" e garantiu que trabalha com seus sócios para encontrar uma "saída diplomática" para o conflito.