José Eduardo Agualusa ganha Prémio Literário Internacional de Dublin

José Eduardo Agualusa ganha Prémio Literário Internacional de Dublin

O prémio distingue o escritor angolano e o seu romance Teoria Geral do Esquecimento.

O valor do prémio é de 100 mil euros. Uma vez que se trata de uma tradução, José Eduardo Agualusa receberá 75 mil euros e o tradutor do livro em inglês, Daniel Hahn, os restantes 25 mil euros.

O International Dublin Literary Award é um dos mais importantes prémios literários do Reino Unido e foi criado para chamar a atenção para a literatura estrangeira.

O prémio é patrocinado pelo Dublin City Council e este ano a shortlist incluía livros de José Eduardo Agualusa (Angola), Mia Couto (Moçambique), Anne Enright (Irlanda), Kim Leine (Dinamarca/Noruega), Valeria Luiselli (México), Viet Thanh Nguyen (Vietname/EUA), Chinelo Okparanta (Nigéria/EUA), Orhan Pamuk (Turquia), Robert Seethaler (Áustria), Hanya Yanagihara (EUA). 'Teoria Geral do Esquecimento', de José Eduardo Agualusa, que já havia sido finalista do Man Booker International em 2016, recebeu indicações de quatro bibliotecas, segundo a Lusa: Biblioteca Demonstrativa Maria da Conceição Moreira Salles, em Brasília, no Brasil, a croata Gradska Knjiznica Rijeka, a Biblioteca Municipal de Oeiras e a Biblioteca Pública Municipal do Porto, em Portugal.

O cerne de Teoria Geral do Esquecimento gravita em torno de como os problemas internos de um pequeno país podem ser explorados por outras nações, numa ficção que se suspeita ser baseada em factos reais.